Compare e Economize

Como bloquear celular roubado, perdido ou furtado?

Com tantos recursos, os smartphones já são peças essenciais no nosso dia-a-dia, guardando informações pessoais e importantes de seus donos. Buscando oferecer praticidade, eles possuem nossas senhas, fotos da família, contatos e até acesso ao cartão de crédito.

Porém, tantos dados correm um grande risco se pensarmos que o celular é um dos objetos mais visados por assaltantes, além de ser fácil de perder.

Por isso, muitas pessoas tem buscado formas de manter suas informações seguras, mesmo nesses casos.

Pensando nisso, preparamos um conteúdo completo, com passo a passo para você bloquear o seu celular em caso de perda, roubo ou furto. Você também vai descobrir quais soluções as operadoras vem desenvolvendo para resolver esses casos cada vez mais recorrentes no país.

Leia também: Como rastrear celular roubado ou perdido

Como bloquear celular roubado, perdido ou furtado

1 – Entrando em contato com a sua operadora

O primeiro passo é entrar em contato com a sua operadora e solicitar o bloqueio do serviço informando apenas o número da sua linha. Em algumas horas o celular já deve estar bloqueado.

Não é mais necessário fornecer o IMEI (International Mobile Equipment Identity), um número de identificação que é próprio de cada equipamento.

Porém, caso queira ter esse código em mãos por precaução em futuras perdas, basta digitar *#06# no telefone, como se fosse fazer uma chamada, e a sequência de 15 números aparecerá imediatamente na tela. O IMEI também pode ser encontrado na embalagem do celular, próximo ao código de barras.

É importante ainda ir até uma delegacia e registrar a ocorrência para ter uma prova, no caso do seu celular ser usado em qualquer atividade ilícita, de que não foi você quem utilizou o aparelho. Em algumas regiões do Brasil, a polícia também permite fazer um boletim de ocorrência online em casos de furtos, basta acessar o site da polícia militar do seu estado.

Assim que é efetuado o bloqueio de um celular, ele é incluído pela operadora no Cadastro Nacional de Estações Móveis Impedidas (Cemi) e não poderá mais ser utilizado. Se você conseguir recuperar o celular pode desbloqueá-lo ligando novamente para a prestadora.

Veja abaixo os contatos das principais operadoras do país:

2 – Utilizando o gerenciador do sistema operacional do seu aparelho

Também é possível proteger os dados armazenados no seu celular, que foi roubado ou furtado, de maneira remota.

Cada um dos principais sistemas operacionais, como Android, iOS e Windows Phone, possui um software com essa e outras funções. O Localizar meu dispositivo, da Google, o antigo Android Device Manager, permite bloquear e apagar dados do dispositivo, além de rastrear o telefone.

Para ativar essas funções, é necessário inserir seu login com usuário e senha da conta do aparelho cadastrada. Para fazer o bloqueio das informações, basta clicar no item de configuração de bloqueio e limpeza. Para obter a localização aproximada do celular o GPS deve estar ativado.

Quem tem um iPhone deve acessar o portal da Apple iCloud, fazer login e clicar em “Buscar meu iPhone”. Você terá acesso a um mapa e um ponto verde indicará a localização do aparelho. Para bloquear os dados, são apenas três passos:

  1. Clique em “Todos os dispositivos”
  2. Selecione o dispositivo que deseja apagar os arquivos
  3. Na janela de informações do dispositivo, clique em “Apagar”.

Já os usuários do Windows Phone devem acessar account.microsoft.com/devices e fazer login em sua conta da Microsoft. Vá até a lista de dispositivos cadastrados e selecione aquele que deseja localizar, depois clique em “Bloquear” e siga as orientações.

Aprenda também como bloquear o Whatsapp

Um dos aplicativos mais utilizados pelos usuários no Brasil, o Whatsapp é um meio de troca de mensagens pessoais e também profissionais. Por isso, é recomendado, além de bloquear o celular, impedir o acesso ao app.

Se após o roubo ou furto, você tiver acesso rapidamente a um novo chip e um outro celular, basta cadastrar o Whatsapp no novo telefone com o seu número antigo.

Outro caminho é entrar em contato com a equipe de suporte do aplicativo logo depois de solicitar o bloqueio da sua linha à operadora:

  • Envie um e-mail para support@whatsapp.com com o assunto “Perdido/Roubado: por favor, desative minha conta”.
  • Depois, repita essa mensagem no corpo do e-mail e informe também o número do telefone com o código do Brasil (+55) e o DDD da sua área.

Procurando um novo plano de celular? Então compare os preços das operadoras e economize na sua conta.

Saiba como se resguardar

Com o aumento crescente dos furtos e roubos de telefones móveis e o preço cada vez mais alto dos smartphones, muita gente pensa em contratar um seguro para proteger seu aparelho. Algumas operadoras, inclusive, como Tim, Vivo, Oi e Claro já oferecem esse serviço, além de seguradoras como a Porto Seguro.

Pode acontecer também de, após o roubo, seu celular ser utilizado por terceiros antes de você conseguir bloquear a linha e com isso a sua próxima conta vir com o registro de ligações desconhecidas e com um valor bem mais alto do que o normal. Nesse caso, é preciso ter em mãos um Boletim de Ocorrência comprovando que o aparelho foi roubado ou furtado, na data do ocorrido, e abrir um protocolo na Central de Atendimento da sua operadora.

Saiba mais sobre os planos de seguro para celular:

Seguro para celular: entenda como funciona

Agora que você já aprendeu a bloquear celular roubado ou perdido, compartilhe esse conteúdo nas redes sociais para que mais pessoas se informem sobre o assunto e evitem ter seus dados expostos.