Compare planos de internet banda larga

Internet das Coisas: o que é e como ela impacta a sua vida

Hoje não é mais estranho encontrar pessoas que tenham internet no carro ou um relógio Smartwatch, por exemplo. Esses alguns exemplos de aplicação da Internet das Coisas no dia a dia.

Mas, você sabe o que é a Internet das Coisas ou IoT? Neste post, vamos te explicar melhor como funciona a IoT e mostrar exemplos práticos de ela pode ser utilizada na nossa vida. 

O que é a Internet das Coisas?

Internet das Coisas (IdC ou IoT, do inglês) é a ideia de colocar internet em objetos e situações que passamos em nosso cotidiano. 

Isso significa conectar itens da nossa casa, trabalho ou cidade à rede mundial de computadores. 

Quando pensamos em acessar a internet, logo nos vem à mente celulares, tablets, computadores, videogames e Smart TVs, que permitem conectar a televisão com a internet.

Mas a IoT vai além. Ela amplia as possibilidades de conectar itens mais inusitados, como roupas, máquinas, objetos e instrumentos de áreas importantes como saúde e educação.

Essa realidade não está muito distante, já que segundo a Consultoria Garter, a previsão é que já em 2020 existam cerca de 25 bilhões de objetos conectados à Internet. Ou seja, cada pessoa terá em média pelo menos três dispositivos ligados à rede mundial de computadores.  

Como funciona a Internet das Coisas? 

  1. Os dispositivos são conectados a uma plataforma via internet banda larga, wi-fi, internet móvel ou sistemas alternativos;
  2. Eles enviam e recebem dados e emitem estatísticas para análise;
  3. A informação coletada permite então automatizar tarefas e economizar tempo nos processos e decisões.

Para atender às necessidades da Internet das Coisas, tecnologias mais rápidas como a rede 5G virão para garantir a estabilidade na conexão desses bilhões de dispositivos.

Gostaria de ter mais velocidade na sua internet? Compare os planos de internet banda larga disponíveis na sua região e economize!

 

Exemplos de aplicação da Internet das Coisas

Mas afinal, para quê serve a Internet das Coisas? 

Além de mudar o ambiente doméstico, tornando nossas casas mais inteligentes, a Internet da Coisas pode ainda melhorar a eficiência da educação, administração pública e setores da economia. 

Veja a seguir alguns exemplos de setores onde a Internet das Coisas pode ser aplicada.  

Internet das Coisas na educação

Além de ser uma ferramenta para pais acompanharem o desenvolvimento dos seus filhos na escola, a internet das coisas pode ser muito útil na gestão escolar.

Algumas de suas aplicações são:

  • Segurança escolar, por meio de câmeras e outros dispositivos;
  • Rastreio de objetos;
  • Controle de almoxarifado.

Internet das Coisas em casa

Você já precisou sair cedo para uma reunião importante para evitar o trânsito de um dia de chuva? Ou saiu atrasado por esquecer de adiantar o despertador na noite anterior? 

Dentro de sua casa, a Internet das Coisas pode estar presente em:

  • Despertadores automáticos ligados à agenda do celular;
  • Cafeteira com horário de preparo automático;
  • Geladeira que gerencia a compra de alimentos;
  • Câmeras de segurança da residência monitoradas pelo seu celular.

Esses são apenas alguns exemplos de como a IoT pode estar presente em sua casa, ajudando a economizar tempo e evitar estresse com tarefas do dia a dia.

Internet das Coisas no trabalho 

Seja dentro do escritório ou em lojas, será cada vez mais comum ter instrumentos de trabalho conectados à internet. 

Em uma loja, será possível verificar quais itens estão sendo mais vendidos e calcular o estoque restante em tempo real, se as prateleiras estiverem adaptadas à IoT por sensores. 

Assim, será mais fácil ver as preferências dos clientes para criar relatórios de comportamento e automatizar a compra de estoque.

Internet das Coisas nas cidades 

Sensores de pressão e volume em lixeiras inteligentes identificam quando elas têm de ser despejadas,  tornando o gerenciamento da coleta do lixo mais inteligente e evitando o desperdício de recursos públicos.

Assim como no exemplo do controle de resíduos, a tecnologia pode impactar a vida urbana também pelo transporte urbano autônomo e redes elétricas inteligentes

A Internet das Coisas é, portanto, uma forma de melhorar a infraestrutura das cidades, bem como a qualidade de vida dos cidadãos. 

Internet das Coisas no campo 

A tecnologia pode viabilizar a produção sustentável no campo e integrar informações no agronegócio. 

Com a IoT, será possível, por exemplo:

  • Compilar dados do solo, clima e das máquinas para tornar a colheita mais eficiente;
  •  Monitorar a saúde e o crescimento dos animais na pecuária.

Internet das Coisas nos setores produtivos 

Nas indústrias, estruturas e máquinas poderão ser conectadas à internet com o objetivo de prevenir acidentes e resolver problemas. 

A Internet das Coisas também pode ser utilizada na logística com caminhões autônomos, controle de equipamentos de segurança e rastreio de contêineres.

Dessa forma, a IoT se torna um diferencial para o desempenho de produtividade e economia.

Todos esses exemplos mostram como Internet das Coisas pode ser a solução para problemas individuais e coletivos. Ela aumentará a eficiência de utilização de recursos naturais e econômicos e ajudará na promoção da qualidade de vida.

E aí, entendeu o que é a Internet das Coisas e como ela funciona? Conta para a gente nos comentários como ela já faz parte do seu dia a dia!

O que é Giga, Mega, Kbps e Mbps?

Quando você ouve alguém dizer “Contratei 15 mega de internet para minha casa” ou “Meu plano de celular oferece 5 giga”, por exemplo, sabe realmente…