Compare e Economize

O que é Spam? Saiba tudo sobre essa prática e saiba como se proteger!

Com certeza você já escutou a palavra Spam e já recebeu alguma mensagem indesejada por e-mail ou SMS. Geralmente, essa prática é feita por pessoas mal-intencionadas ou empresas que, erroneamente, acreditam ser um jeito fácil de divulgar produtos e serviços para uma grande quantidade de pessoas. Neste post, vamos explicar tudo sobre o que é Spam, seus perigos e o que você pode fazer para se proteger dessa prática!

O que é Spam?

Spam é uma sigla para Sending and Posting Advertisement in Mass, que significa “enviar e postar publicidade em massa”. De forma mais sempre, é quando uma mensagem indesejada é enviada pela rede de internet banda larga.

Existem diversas formas de spam, mas a mais usada é através de e-mail. Alguns servidores de e-mail possuem até uma pasta automática para a qual são enviadas todas as mensagens indesejadas, assim que chegam à sua caixa postal. Também é possível receber spam por meio de mensagens de texto (SMS), no WhatsApp e nas redes sociais.

Os perigos do Spam

O spam é algo considerado inconveniente, já que enche a caixa de e-mail do usuário, ocupa espaço de armazenamento e faz com que esse usuário perca tempo apagando mensagens indesejadas.

Além disso, hoje em dia, o spam é considerado péssimo para a imagem das empresas, que são consideradas mal-intencionadas, gerando uma má reputação.

Mas o maior perigo dessa prática está em mensagens fraudulentas, enviadas em massa a diversos usuários. Por meio da compra de banco de dados e listas de e-mail (muitas vezes feita de forma ilegal), remetentes encaminham mensagens que podem ser perigosas quando acessadas, o que chamamos de phishing.

O que é phishing?

O phishing é um tipo de crime virtual que tem o objetivo de coletar informações e dados sigilosos de usuários, por meio do envio de mensagens consideradas atrativas. Ao incentivar que a pessoa clique em links, abra anexos ou passe suas informações para ter acesso a algo atrativo, o que serve como “isca”, os remetentes conseguem violar contas bancárias e cartões de crédito.

O que é Spam no e-mail

A prática via e-mail é a mais comum e mais usada desde o surgimento da internet. Para evitar o recebimento, alguns servidores de e-mail detectam automaticamente o spam e filtram a mensagem, enviando para uma pasta específica, mas isso não garante que você não irá recebê-los mais. Pelo contrário, eles só não aparecerão na sua caixa de entrada.

Mas algumas ações podem diminuir o volume de recebimento de spam via e-mail:

  • Se o seu provedor de e-mail é o Gmail, Outlook, Yahoo! ou de alguma outra empresa de grande porte, nunca esqueça de marcar as mensagens indesejadas como “SPAM”. Assim, seu provedor entenderá que ela não é bem-vinda;
  • Se receber alguma mensagem de remetentes desconhecidos ou que você considerar suspeito, não abra. Você indicará ao servidor que não deseja mais receber aquele tipo de mensagem;
  • Desconfie de mensagens do tipo: ofertas com preços muito baixos; novidades valiosas; revelação do ano; fotos pessoais. Desconfie também de mensagens de amigos e parentes com erros de português, mensagens traduzidas de forma errada ou mensagens confusas;
  • Não esqueça de adicionar endereços de remetentes confiáveis ao seu servidor de e-mail.

Spam no WhatsApp

O WhatsApp considera spam conteúdos indesejados enviados por usuários que, na maioria das vezes, não estão na lista de contatos do destinatário.

Atualmente, o WhatsApp é usado por diversas empresas como plataforma de vendas. Por isso, o aplicativo orienta em seu Termo de uso que, em caso de recebimento de spam, o usuário não clique em nenhum link e não forneça nenhuma informação pessoal.

No caso de denúncia de mensagem, ela pode ser feita diretamente no aplicativo. Veja o passo a passo:

  1. Entre na conversa que deseja denunciar (é importante que o contato não esteja adicionado à sua agenda para que a opção de denúncia apareça);
  2. Clique em “Denunciar como spam e bloquear”;
  3. Clique em “Ok” para confirmar a ação.

Teve o WhatsApp clonado? Saiba como resolver, se proteger e conheça os principais golpes

Spam no Facebook

Os spam no Facebook podem ser encontrados na parte dedicada às mensagens da rede social, conhecida como Messenger. Inclui o envio de mensagens em massa, publicações excessivas de links ou imagens nas linhas do tempo das pessoas e envio de solicitações de amizade a pessoas não conhecidas pessoalmente.

A empresa possui diversas ferramentas para bloquear envios de spam, mas, caso você ainda receba algum, o mais correto a se fazer é denunciar.

Para isso:

  1. Acesse o seu perfil no Facebook, com seu login e senha;
  2. Clique em Canal de Denúncia;
  3. Registre a denúncia informando detalhes do seu caso.

Spam via Instagram

O Instagram, aplicativo do mesmo grupo do Facebook, considera Spam tudo aquilo que não está de acordo com os Termos da empresa e que seja enviado a diversos destinatários, principalmente com a intenção de venda ou golpe. Por exemplo:

  • Em publicações disparadas em massa;
  • Em comentários, sobretudo os enviados por bots (inteligência artificial) ou perfis falsos;
  • Em mensagens diretas.

Para se livrar do spam no Instagram, basta realizar uma denúncia:

  1. Acesse seu perfil no Instagram, com login e senha;
  2. Clique nos “3 pontinhos” acima do post e toque em “Denunciar“;
  3. Agora siga as instruções na tela.

Spam no Twitter

São considerados spam no Twitter os exemplos a seguir:

  • Links prejudiciais, incluindo para sites de phishing ou malware;
  • Demonstração de comportamento agressivo ao seguir pessoas (seguir ou deixar de seguir perfis em massa para chamar a atenção;
  • Exagero na utilização das funções de resposta ou menção para publicar mensagens indesejáveis para as contas;
  • Criação de várias contas (manualmente ou com ferramentas automatizadas);
  • Publicações repetidas nos assuntos do momento para tentar chamar a atenção.

    Assim como nas outras redes sociais, você pode denunciar essa prática acessando o link de denúncia do Twitter.

    O que é Spam via YouTube

    Como o YouTube é uma plataforma de vídeo, o spam pode ser visto através de:

    • Comentários excessivos;
    • Conteúdos ofensivos;
    • Miniaturas enganosas;
    • Criação de tráfego de acessos artificial.

    No caso de comentários, o spam geralmente fica em uma pasta separada aguardando a aprovação do dono da conta.

    Para o caso do YouTube, o usuário também pode fazer uma denúncia de duas formas:

    1. Clicando no canal de denúncia de vídeo;
    2. Clicando no canal de denúncia de comentário.

    Spam no LinkedIn

    O LinkedIn considera Spam:

    • Conteúdos inapropriados, enganosos ou ofensivos;
    • Conversa inapropriada;
    • Denunciar algum perfil;
    • Denunciar perfil falso.

    Para se livrar das mensagens indesejadas no LinkedIn você também pode fazer uma denúncia:

    1. Clique no canal de denúncia;
    2. Escolha o que você quer denunciar;
    3. Crie a denúncia.

    Spam é considerado crime?

    Infelizmente, não. Por si só, o spam não causa prejuízos ao usuário (a não ser em casos de phishing e fraudes). Dependendo da mensagem recebida, a prática pode ser enquadrado na modalidade de crime de estelionato, se o usuário for lesado de alguma forma.

    Por isso, o melhor mesmo é tomar cuidado com a suas contas pessoais para se prevenir. Confira algumas dicas de como se proteger:

    • Não acesse sites promovidos por spam;
    • Configure sua privacidade nas redes sociais;
    • Ao se cadastrar em algum site, avalie se ele é realmente confiável;
    • Mantenha seu computador e seu celular protegido. Existem diversos aplicativos disponíveis para que você consiga fazer isso da melhor forma!

    Agora que você já sabe o que é spam, conte nos comentários: você já foi vítima? Lembre-se de cuidar bem das suas contas pessoais e registrar senhas fortes para que elas estejam protegidas e sem riscos de recebimento de mensagens indesejadas ou de serem clonadas, por exemplo.