Compare planos de TV

Sky gato: entenda por que o serviço não é legal e as consequências da sua utilização

Está pensando em fazer um Sky gato na sua casa? Então, leia esse texto para não se arrepender depois!

A TV por assinatura oferece uma quantidade de conteúdos bastante extensa e atrativa, como séries exclusivas, animações para todas as faixas de idade e jogos de futebol de campeonatos do mundo todo.

O problema é que a mensalidade cobrada pela prestação do serviço pode ser um pouco salgada, sem contar os gastos com instalação e aparelhos. Com isso, muita gente acaba optando pela versão pirata da TV por assinatura, como os chamados Sky gato.

  • Mas será que vale a pena?
  • É crime ter sky gato em casa?
  • Quais os problemas desse tipo de serviço?

Neste artigo você vai saber mais sobre a Sky gato e entender porque não é interessante usar esse tipo de produto.

O que é Sky gato?

A Sky gato nada mais é do que um aparelho que decodifica o sinal de TV paga, desbloqueando o sinal de uma determinada operadora.

O aparelho custa em torno de R$500 e, depois de comprado, o usuário não precisa pagar nenhuma mensalidade.

Em um  plano regular da Sky, por exemplo, o aparelho de TV por assinatura recebe o sinal, por satélite, cabo ou antena e existem algumas chaves que identificam o plano contratado pelo cliente. Por meio de um cartão dentro do decodificador, os canais assinados serão desbloqueados para que a transmissão ocorra.

Já no gato de TV por assinatura, os aparelhos funcionam com a premissa de que o sinal está disponível para qualquer pessoa e que eles apenas realizam a criptografia para fazer a transmissão.

Sky gato é crime?

De modo geral, o uso da Sky Gato é ilegal e está sujeito a detenção ou multa.

Conteúdo Relacionado:  HBO Family: saiba tudo sobre o canal, como contratar e como assistir de qualquer lugar!

Porém, é preciso explicar melhor a situação da lei:

Atualmente, não existe nenhuma lei específica para regulamentar ou enquadrar esses aparelhos como um crime. E se não há artigos na legislação a respeito do assunto, não dá para tipificá-lo criminalmente.

Entretanto, há um projeto de lei que discute justamente esse assunto. O PLS 186/2013 estabelece medidas que visam preencher as lacunas atuais na legislação, com previsão de detenção de dois a quatro anos para quem desenvolve atividades clandestinas de telecomunicação, com possibilidade de multa de até R$ 10 mil.

Para quem fabrica, vende ou faz a receptação de sinal, a detenção seria de um a três anos, com multa de até R$ 5 mil.

A lei atual

O projeto de lei que criminaliza a Sky gato ainda não foi aprovado, mas isso não quer dizer que o aparelho é legal.

Pela legislação atual, o uso desses decodificadores pode ser enquadrado como crime de pirataria, segundo o artigo 184 do Código Penal, que fala sobre a ilegalidade de violar direitos de autor e os que lhe são conexos. Pena de detenção ou multa.

Porém, com a dificuldade de identificar os aparelhos e as pessoas que comercializam esse tipo de produto, a pirataria de TV continua.

Por que não usar decodificador Sky gato?

Apesar de não ser oficialmente uma prática criminosa, usar decodificadores piratas e assistir os canais de assinatura por meio da Sky gato também não é legal – e nem vantajoso.

Se a ilegalidade não for o suficiente para te convencer que o gato não é uma opção temos outros dois argumentos: ele pode sair mais caro e gerar mais problemas.

Confira os principais problemas da Sky gato para o usuário:

  • O sinal do aparelho é instável. A transmissão pode travar durante a exibição dos programas ou mesmo parar. A falha de sinal acontece principalmente à noite, em horário de pico, quando a capacidade dos servidores é usada em seu limite (o servidor de uma TV pirata é compartilhado).
  • O aparelho não tem qualquer garantia: se queimar com poucos dias de uso, você é quem fica com o prejuízo. Também não há qualquer assistência técnica para resolver os defeitos.
  • Esse tipo de aparelho precisa estar conectado à rede de internet wi-fi, o que possibilita o roubo de dados pessoais e bancários. Assim, quem usa a Sky gato corre o risco de ter suas informações fraudadas ou clonadas.
Conteúdo Relacionado:  Descubra tudo sobre o Globosat Play e o que ele pode oferecer

Se você quer assistir canais exclusivos sem gastar muito, a melhor opção é comparar os planos de TV por assinatura de diferentes operadoras para encontrar o mais econômicos e com todos os direitos que você deve ter.

Como assistir bons programas sem gastar muito?

Para quem quer assistir os melhores programas, mas sem precisar gastar muito com uma assinatura mensal de TV paga, pode contar com soluções alternativas – e legais – existentes do mercado de telecomunicações.

Existem opções de TV por assinatura com planos pré-pagos, que funcionam semelhante aos celulares: o usuário compra um pacote para usar durante determinado período. A própria Sky oferece uma alternativa pré-paga e possui planos a partir de R$18,90 por mês.

Se preferir, dá para assinar serviços de streaming, como Netflix e Prime Video, que possuem um extenso catálogo de filmes, séries e programas. A Netflix possui planos a partir de R$19,90 por mês, sem precisar de adquirir um aparelho.

Há ainda, o aplicativo HBO GO, que também funciona por streaming e libera toda a programação da HBO na palma da sua mão.

Em termos de economia e vantagens esses serviços possuem um custo-benefício muito melhor do que uma Sky Gato. Sem contar, que são legalizados.

E então, você ainda acha a Sky Gato vantajosa? Compartilhe esse texto nas suas redes sociais para que mais pessoas saibam do perigo da pirataria de TV por assinatura!