Carregando...

melhorplano logo

EDUCAÇÃO FINANCEIRA

Educação financeira: como posso aprender sobre finanças pessoais?

Saber como lidar com o dinheiro é fundamental para uma vida financeira saudável. Pela internet, é possível encontrar conteúdos gratuitos para dar os primeiros passos no aprendizado de técnicas para economizar.

Independentemente do sonho financeiro, saber lidar com dinheiro é fundamental. Afinal, a organização das finanças ajuda tanto quem deseja fazer uma viagem internacional quanto quem quer apenas terminar o mês no azul.

Essa importância, aliás, foi reconhecida pela Base Nacional Comum Curricular (BNCC), que resolveu colocar Educação Financeira como parte da grade de Matemática nas escolas. Entretanto, mesmo você que já se formou pode aprender sobre educação financeira, já que hoje existem inúmeras opções de conteúdos gratuitos sobre finanças pessoais.

Neste texto, iremos mostrar algumas opções para que você aprenda mais sobre o assunto!

Educação financeira em vídeo

A maior facilidade de acesso à internet permitiu que o conteúdo em vídeo ganhasse força nos últimos anos. Influenciadores digitais, principalmente de finanças, ensinam todo o passo a passo para ter uma vida financeira mais saudável.

Atualmente, existem vários canais do YouTube que falam sobre finanças. Por isso, é preciso ter atenção à real necessidade: enquanto alguns influenciadores ensinam o básico para limpar o CPF, outros já visam a um público que deseja investir em ações ou no Tesouro Direto.

Cursos online sobre educação financeira

Dos gratuitos aos pagos, há uma diversidade de cursos de finanças pessoais pela internet. No geral, o conteúdo gratuito é introdutório, enquanto o pago traz informações mais avançadas.

Na hora de escolher o curso certo, o consumidor precisa analisar o currículo e a experiência do professor, o tipo de informação oferecida, as vantagens e o tipo de abordagem (se é mais básica ou avançada, por exemplo). Assim, ele fará uma escolha consciente e com o melhor custo-benefício.

Quer trocar o seu cartão de crédito?

Compare as opções disponíveis e economize!

VER CARTÕES

Perfis no Instagram

O Instagram é uma plataforma multimídia, que permite o compartilhamento de informações em imagens, vídeo e áudio de uma maneira mais dinâmica e, ao mesmo tempo, profissional. Por isso, é possível encontrar conteúdos simples, objetivos e muito úteis sobre finanças pessoais.

Os influenciadores digitais do Instagram costumam fazer lives em que os seguidores podem fazer perguntas. É uma oportunidade interessante para que os leigos tirem dúvidas.

Por ser uma plataforma extremamente popular, o Instagram ainda permite encontrar todo tipo de profissional do gênero – só é preciso, claro, escolher o que oferece conteúdos mais adaptáveis à sua realidade financeira atual.

Blogs de finanças

Para quem prefere a boa e velha leitura, os blogs são a escolha certa. Eles também permitem uma explicação mais aprofundada sobre finanças e podem ser facilmente consumidas durante o trajeto no trânsito ou em outras atividades.

Uma fonte interessante para quem deseja começar a aprender são os blogs de birôs de crédito, ou serviço de proteção ao crédito, que costumam ter dicas mais básicas e práticas para o iniciante.

Livros de educação financeira

Tanto os tradicionais quanto os e-books trazem conteúdos mais aprofundados sobre finanças pessoais. Mas eles também são um investimento, tanto de tempo quanto de dinheiro.

O ideal é que o consumidor procure por autores já consagrados em finanças e que tenham um currículo condizente com o tema. Mas o mais importante é observar se o conteúdo tem a ver com sua atual situação financeira, para que não haja nenhuma frustração ou problema futuramente.

Planilhas

As planilhas são essenciais para quem deseja aprender sobre finanças pessoais na prática. De fato, elas fazem toda a diferença para uma vida financeira mais saudável e controlada.

O ideal é que, no início do mês, o usuário divida a planilha em duas colunas: uma para receitas (com tudo o que recebe) e outra para despesas (com tudo o que ele gasta). Nesta segunda, também é necessário dividir entre despesas fixas e variáveis.

Depois, ele deve somar todas as receitas e todas as despesas, subtraindo uma da outra. Assim, vai descobrir se está gastando mais do que sua vida financeira permite.

Há uma série de modelos do tipo disponíveis gratuitamente, com divisões por dias, semanas e meses. Para quem deseja começar, o ideal é fazer a divisão por mês e fazer as anotações logo no início.

O time do Melhor Plano faz o máximo de esforço para manter toda a informação precisa e atualizada. Porém, é possível que você veja um preço diferente ao visitar especificamente o site do provedor do serviço. Ao existir uma diferença, é possível que nosso time já esteja trabalhando para atualizá-lo, ou que nosso parceiro de venda tenha oferta diferente (tentamos manter no site as melhores ofertas para você). Ao solicitar a contração de um serviço, verifique os termos da contratação com o provedor do serviço.