Carregando...

logo melhor plano

Despesas fixas e variáveis: O que são e como diferenciar?

Se quiser entender para onde está sendo direcionado o seu dinheiro, é importante analisar os gastos e observar quais são as principais causas dos nossos custos.

Sendo assim, uma das primeiras etapas a seguir para iniciar uma avaliação é classificar suas despesas entre fixas e variáveis.

Por isso, vamos te explicar tudo que precisa para saber como classificar suas despesas em fixas e variáveis e iniciar uma organização das suas finanças.

O que são despesas ou custos?

De forma bem resumida, tudo que tira dinheiro do seu bolso, carteira ou sua conta por consumo é um custo ou despesa no seu orçamento.

Caso ainda esteja em dúvida, alguns exemplos de despesas são:

  • Aluguel;
  • Compras de mercado;
  • Contas de consumo (água e luz);
  • Saídas para restaurante;
  • Gasolina do veículo.

Porém, além de saber o que está sendo uma despesa, é importante também classificá-las em fixas e variáveis, para que seja possível ter uma gestão financeira organizada.

Sendo assim, veja o que são essas despesas e aprenda a organizar seus gastos em cada um delas.

O que são despesas fixas?

Despesas fixas são gastos que não mudam o valor independente do seu consumo.

Portanto, são despesas que já se sabe o valor que terá que pagar, não importa o quanto utilize aquele determinado produto ou serviço.

Alguns exemplos de despesas fixas são:

  • Aluguel;
  • Assinatura de streaming;
  • Mensalidade de academia ou clubes;
  • Plano de celular pré-pago;
  • Conta de Internet Banda Larga;
  • Anuidade de cartão;
  • Prestação fixa de um empréstimo;
  • Mensalidade da faculdade.

Observe que, se um dos produtos ou serviços acima faz parte das suas despesas, o valor de cada um deles não costuma mudar independente de como os utilize, por isso são fixos.

Uma das únicas coisas que pode fazer o valor desses custos aumentarem são taxas de juros, multas e reajuste de preço.

O que são despesas variáveis?

Já as despesas variáveis são custos que vão variar de acordo com a forma ou a quantidade que você consome um determinado produto ou serviço.

São custos que vão aumentar ou diminuir se você consumir mais ou menos, respectivamente.

Veja alguns exemplos de despesas variáveis:

  • Conta de luz;
  • Pagamento de celular pós-pago;
  • Gastos com alimentação;
  • Transporte (gasolina ou passagem);
  • Gastos com lazer.

Qual a diferença entre despesas fixas e variáveis?

As despesas fixas não variam de preço, independente se você consuma mais ou menos, ou seja o valor é fixo.

Enquanto isso, as despesas variáveis mudam o valor a ser pago caso você consuma mais ou menos daquele produto ou serviço, a exemplo da conta de luz.

Porém, muitas pessoas podem confundir despesas fixas com despesas essenciais, o que é um grande erro.

A conta de água, por exemplo, é uma despesa essencial e aparece com frequência no nosso orçamento mensal. Mas, pelo fato do valor a ser pago mudar todo mês, ela se torna um custo variável.

Como calcular as despesas fixas e variáveis?

Para começar a calcular qual o custo mensal das suas despesas de forma correta, você deve seguir alguns passos importantes, veja abaixo:

  1. Acompanhe os seus gastos dentro de um mês;
  2. Registre-os numa ferramenta de controle de gastos (planilha ou bloco de notas);
  3. Classifique eles em fixos e variáveis;
  4. Some separadamente o total de cada tipo de despesa.
mulher-calculando-despesas

Calcular o valor de cada tipo de despesa é uma tarefa que exige paciência, pois é necessário acompanhar os gastos frequentemente dentro de um mês.

Sendo assim, escolha uma frequência para observar os gastos que você está tendo seja diária, semanal, ou quinzenal.

Além disso, ferramentas de controle são muito importantes para conseguir ter melhor análise e visualização dos gastos que vão sendo realizados.

O que fazer para diminuir as despesas?

Após ter mais clareza de quais são os seus gastos e de como você está fazendo uso do seu dinheiro, fica muito mais fácil saber o que pode ser reduzido ou eliminado do seu orçamento mensal.

Elimine gastos variáveis desnecessários

Após registrar todos os seus gastos no mês, observe os gastos variáveis que foram feitos de forma impulsiva e tente remover eles no próximo mês.

Dessa forma, será possível direcionar o dinheiro que vai deixar de ser gasto para algo realmente importante para você.

Reduza o valor dos gastos fixos

Os gastos fixos do nosso orçamento geralmente são os mais difíceis de eliminar, por serem, em sua maioria, também essenciais.

Porém, se não é difícil eliminar totalmente, verificar a oportunidade de reduzir o valor desses gastos e economizar já é uma tarefa mais fácil.

A todo momento novos serviços são oferecidos pelas empresas ou seus concorrentes, então é sempre bom ficar de olho nas oportunidades de produtos ou serviços mais baratos.

Transforme despesas variáveis em fixas

Outra boa dica é que você tente transformar despesas variáveis em fixas, afinal a grande vantagem das despesas fixas é a previsibilidade!

Já saber um valor exato de quanto terá que pagar é uma grande vantagem para conseguir organizar ainda mais a sua vida financeira.

Para conseguir fazer essa troca você deve sempre observar as oportunidades de mudar seu hábito de consumo.

Alguns exemplos são trocar seu plano pós-pago por um pré ou trocar uma assinatura diária por mensal.

Qual a importância de classificar as despesas?

Classificar as despesas em fixas e variáveis te faz ter mais clareza do que está tirando dinheiro do seu bolso.

Sendo assim,nas despesas variáveis, analise quais gastos estão oscilando no valor, para verificar o que está atrapalhando o seu planejamento financeiro pessoal.

Já em relação aos gastos fixos, é necessário avaliar as oportunidades de economizar nas despesas, pois diminuindo um gasto fixo surge uma maior flexibilidade no orçamento.

Perguntas frequentes sobre despesas fixas e variáveis

Como gerenciar as despesas fixas e variáveis?

Para gerenciar bem as suas despesas, é interessante que você tenha uma boa ferramenta de controle de gastos, como planilhas, bloco de notas ou aplicativos.

Dessa forma, você consegue visualizar melhor os possíveis problemas no seu orçamento.

Saiba mais sobre o que são despesas fixas e variáveis.

Como classificar despesas fixas e variáveis

Basta separar os gastos que sempre tem o mesmo valor, independente do seu uso ou consumo, dos que variam de acordo com o quanto você consome de um produto ou serviço.

Saiba mais sobre a importância de classificar suas despesas.

Conteúdo atualizado em

João Cléber Rocha

Por João Cléber Rocha

Analista de conteúdo financeiro da Melhor Plano, João gosta de estudar sobre finanças pessoais, empresariais e investimentos para te ajudar a conhecer mais sobre educação financeira.

Melhor Plano

© Melhor Plano 2022
Todos os direitos reservados.

Endereço: R Sergipe, nº 625, Sala 503 Savassi | Belo Horizonte - MG
CEP: 30130-171

Telefone: +55 (31) 97575-9932

MelhorPlano no FacebookMelhorPlano no InstagramMelhorPlano no TwitterMelhorPlano no YoutubeEmail de Contato
Ícone Site Seguro Google

O time do Melhor Plano faz o máximo de esforço para manter toda a informação precisa e atualizada. Porém, é possível que você veja um preço diferente ao visitar especificamente o site do provedor do serviço. Ao existir uma diferença, é possível que nosso time já esteja trabalhando para atualizá-lo, ou que nosso parceiro de venda tenha oferta diferente (tentamos manter no site as melhores ofertas para você). Ao solicitar a contração de um serviço, verifique os termos da contratação com o provedor do serviço.