Carregando...

logo melhor plano

Tesouro Direto 2022: vale a pena investir?!

Muito escolhido por investidores conservadores e iniciantes, o Tesouro Direto é uma ótima opção de aplicação, mas não só para esses grupos.

Neste artigo vamos te explicar o que é Tesouro Direto, como funciona, e se vale a pena investir nesse título. Confira!

O que é Tesouro Direto?

O Tesouro Direto é um investimento de renda fixa a partir da  compra títulos públicos. Ou seja, ao comprar títulos, você empresta dinheiro ao Governo Federal, e recebe de volta com juros depois de um tempo.

O Tesouro Direto permite que qualquer cidadão compre títulos por meio de sua plataforma online. E você pode escolher entre as diferentes modalidades desse investimento: pré-fixada, híbrida ou pós-fixada.

Não é necessário ser correntista de nenhum banco ou corretora para adquirir os títulos do Tesouro Direto. 

Além disso, existem aplicações iniciais a partir de R$30 e a liquidez para todos os tipos de papéis é diária.

logo-e-titulo-do-tesouro-direto

Como funciona o Tesouro Direto?

O Tesouro Nacional, órgão responsável pela gestão da dívida pública nacional, permite que qualquer pessoa compre papéis do governo. Ou seja, invistam no Tesouro Direto.

Esse é um tipo de investimento em títulos públicos, que podem ser pré-fixados, pós-fixados e híbridos.

Confira como funciona cada uma dessas modalidades:

Tesouro Selic (LFT)

O Tesouro Selic é um investimento pós-fixado, ou seja, é um título cujo retorno varia de acordo com um indexador econômico. A modalidade Selic LFT tem seu rendimento atrelado à taxa Selic, a taxa básica de juros da economia brasileira.

As principais características do Tesouro Selic são:

  • Opção mais conservadora, não sofre muita marcação a mercado; ;
  • Possui liquidez diária;
  • Rendimento é adicionado à aplicação todos os dias;
  • Ao resgatar seu investimento, você recebe integralmente o valor investido e seus rendimentos, descontado o valor do Imposto de Renda.

Essa é uma ótima opção para reservas de emergência, por exemplo. Pois, o Tesouro Selic é um investimento pouco volátil, rende todos os dias e pode ser retirado a qualquer momento.

Tesouro Prefixado

Como o nome já sugere, essa é uma modalidade de Tesouro Direto em que você sabe exatamente qual será o retorno do seu investimento ao vencimento do título.

Existem dois tipos de Tesouro Prefixado: o LTN e o NTN-F.

Com o Tesouro Prefixado LTN, você só garante o rendimento pré-estabelecido do investimento na data do vencimento do título.

Caso você queira retirar o dinheiro antes, é possível que você tenha prejuízos ou que tenha ganhos maiores. Isso acontece por causa da marcação a mercado, a variação do valor do título ao longo do tempo..

Já no caso da modalidade NTN-F, ou Tesouro Prefixado com Juros Semestrais, você recebe os rendimentos do investimento 2 vezes ao ano. Assim, é possível sacar ou reinvestir o dinheiro.

O Tesouro Prefixado é indicado para aqueles que têm a possibilidade de deixar o dinheiro investido por um médio ou longo prazo..

No caso do NTN-F, é indicado para quem precisa de fluxo de caixa semestralmente.

Tesouro IPCA+

O Tesouro IPCA+ é um modelo de investimento híbrido, em que o rendimento é determinado por uma parte pré-fixada e outra pós-fixada.

A parte pré-fixada é o valor estabelecido na compra do título e a pós-fixada é determinada pela variação da inflação, de acordo com o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

Esse modelo é conhecido também por ser um investimento protegido da inflação, já que parte do seu ganho sempre acompanha a taxa do IPCA.

Essa modalidade, assim como o Prefixado, é dividida em 2 categorias: NTN-B principal e NTN-B. A principal diferença é que na categoria NTN-B, você recebe os juros semestralmente.

O Tesouro IPCA+ é indicado para aqueles que querem deixar seu dinheiro investido por um longo período, como em casos de aposentadoria, já que o investimento sempre vai ter um rendimento real por estar acima da inflação.

Qual o rendimento do Tesouro Direto hoje?

O rendimento do Tesouro Direto depende de qual modalidade você escolhe investir e, claro, do valor investido.

Confira a rentabilidade de cada tipo de investimento do Tesouro Direto em 2022:

 

Investimento

Rentabilidade anual*

Investimento mínimo*

Preço unitário*

Tesouro Prefixado 2025

12,14%

R$ 37,08

R$ 741,76

Tesouro Prefixado 2029

12,03%

R$ 33,12

R$ 473,17

Tesouro Prefixadocom juros semestrais 2033

12,15%

R$ 36,71

R$ 917,99

Tesouro SELIC 2025

SELIC + 0,1222%

R$ 116,53

R$ 11.653,56

Tesouro SELIC 2027

SELIC + 0,1708%

R$ 115,98

R$ 11.598,61

Tesouro IPCA+ 2026

IPCA + 5,39%

R$ 31,70

R$ 3.170,80

Tesouro IPCA+ 2035

IPCA + 5,62%

R$ 39,03

R$ 1.951,76

Tesouro IPCA+ 2045

IPCA + 5,62%

R$ 33,94

R$ 1.131,41

Tesouro IPCA+ com juros semestrais 2032

IPCA + 5,55%

R$ 41,59

R$ 4.159,61

Tesouro IPCA+ com juros semestrais 2040

IPCA + 5,60%

R$ 42,03

R$ 4.203,84

Tesouro IPCA+ com juros semestrais 2055

IPCA + 5,72%

R$ 41,34

R$ 4.134,60

* Valores do dia 25/05/2022

Como esses valores flutuam bastante, consulte o site oficial do Tesouro Direto para saber o rendimento mais atual.

Simulador Tesouro Direto

Antes de decidir em qual título você quer investir, é possível realizar uma simulação de investimento no site do Tesouro Direto.

Confira abaixo o passo a passo de como usar o simulador do Tesouro Direto.

Neste passo a passo, escolhemos a modalidade Tesouro IPCA+ 2035, com o valor inicial de R$50,00 para servir de exemplo. Confira:

  1. Entre no site do Tesouro Direto e selecione qual tipo de investimento quer simular;

  2. Simule com o foco no quanto você quer investir hoje ou no quanto você resgatar no futuro;

  3. Ao clicar na primeira opção, insira o valor inicial de investimento e se você continuará investindo mensalmente;

  4. O simulador informa quanto você vai receber na data de vencimento do título. No caso do investimento inicial e mensal de R$50, o valor final, em 2035, seria de R$14.196,84.

É possível visualizar a rentabilidade e evolução do seu dinheiro, além de comparar com outros títulos.

Caso você opte por simular o quanto deve investir para resgatar um valor específico no futuro, o passo a passo é o seguinte:

  1. Insira o valor que deseja ter futuramente;
  2. Escolha se deseja fazer apenas uma aplicação ou aplicar mensalmente;
  3. Insira qual a quantia desejada para investir mensalmente.

O site vai informar quanto deve ser seu investimento mensal para chegar no seu objetivo final.

Quais os custos de investir no Tesouro Direto?

Se você tem dúvidas sobre o Tesouro Direto e taxas que podem incidir sobre seu investimento, confira quais são os possíveis custos desse título.

IOF: Imposto sobre Operações Financeiras.

É cobrado em resgates feitos em períodos abaixo de 30 dias, sendo calculado sobre os rendimentos daquele período.

Esse imposto começa em 96% do valor total, no primeiro dia após o investimento, e é reduzido gradativamente até o 30º dia.

Imposto de Renda

O Imposto de Renda cobrado nos títulos do Tesouro é regressivo. Dessa forma, quanto mais tempo você deixar o montante investido, menor será a alíquota de IR.

Acima de 720 dias, a alíquota é de 15%. Já para investimentos de até 180 dias, a alíquota é de 22,5%.

Taxa de custódia

Para quem investe em Tesouro Selic, essa é uma taxa cobrada apenas em investimentos maiores do que R$10 mil.

A taxa é de 0,20% ao ano sobre o valor excedente, ou seja, acima do limite de dez mil reais.

Para as demais modalidades, é uma taxa de 0,20% ao ano. Ela é cobrada de forma divida, sendo 0,10% cobrado em janeiro e 0,10% em julho.

A porcentagem é em cima do valor total investido.

Taxa de administração

Ao contratar uma instituição financeira para realizar seu investimento, é possível que seja cobrada uma taxa de administração.

Geralmente, essa taxa é cobrada na compra do papel e depois anualmente. É possível, também, que ela incida sobre resgates antecipados e juros semestrais.

Lembrando que ​​é possível investir no tesouro direto diretamente pelo site oficial, sem precisar de uma corretora ou banco.

É seguro investir no Tesouro Direto?

Por ser um título do governo, é sim seguro investir no Tesouro Direto. Você pode consultar todas as informações que precisa para realizar seu investimento no site do Tesouro Direto.

O Governo Federal nunca deixou de pagar os títulos do Tesouro Direto. E, por isso, essa opção é mais segura do que os títulos emitidos por bancos, por exemplo, que podem quebrar e não quitar suas dívidas.

Está à procura de um banco para começar a investir?

Descubra quais são os 5 melhores bancos para investir e faça o seu dinheiro render mais!

VER BANCOS

Vale a pena investir no Tesouro Direto?

Como qualquer investimento, a resposta para essa pergunta depende do seu objetivo e perfil.

O Tesouro Direto é uma ótima opção para investidores conservadores. Pois, não existem tantos riscos e, em muitas modalidades, é possível saber quais serão os ganhos ao investir.

Confira as principais e vantagens e desvantagens de investir no Tesouro Direto:

Vantagens

  • Garantia de retorno pelo Governo Federal;

  • Liquidez diária;

  • Boas opções de investimentos para curto, médio e longo prazo;

  • Previsibilidade do retorno do investimento no momento da aplicação;

  • Diversificação entre os títulos.

Desvantagens

  • Alguns títulos podem ter prejuízo com a marcação a mercado;

  • Taxas e tributos.

 

Tesouro Direto é melhor que poupança?

Em termos de rentabilidade, sim. Para simular qual é a diferença da rentabilidade do Tesouro Direto e poupança, basta entrar no site oficial do Tesouro.

Além disso, se você optar pela modalidade Selic, você tem liquidez diária, e pode resgatar seu investimento sem juros independente da data, assim como na poupança.

Lembrando, claro, que no Tesouro Direto, só é possível comprar ou resgatar títulos de segunda a sexta, em horário comercial.

No entanto, a poupança pode ser uma opção mais acessível, por ser uma transação dentro da sua conta de banco.

Como resgatar no Tesouro Direto?

Para realizar o resgate do Tesouro Direto você pode esperar o prazo de vencimento do investimento ou solicitar o resgate antecipado.

Confira abaixo como fazer essa segunda opção:

  1. Entre na sua conta no site do Tesouro Direto ou na plataforma da sua corretora ou banco;
  2. Selecione o título que deseja resgatar;
  3. Busque pela opção de resgate e selecione;
  4. Opte pelo resgate parcial ou completo e finalize o processo.

Caso você faça essa solicitação até às 13h de um dia útil, o dinheiro estará disponível em sua conta no dia seguinte.

Como declarar o Tesouro Direto no Imposto de Renda?

Veja como declarar o Tesouro Direto no Imposto de Renda, no campo de declaração de dividendos:

  1. Na seção "Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva", selecione "Rendimentos de Aplicações Financeiras";
  2. Em "Tipo de Beneficiário", selecione "Titular" ou "Dependente";
  3. Preencha com os dados recebidos no informe de rendimentos o CNPJ da fonte pagadora;
  4. Informe os valores pagos ou creditados naquele ano, de acordo com o informe;
  5. Especifique cada título e, se você for cliente de diferentes corretoras, faça-o de forma separada.

Você também deve informar o valor total de títulos de Tesouro Direto que possui de acordo com o informe de rendimentos daquele ano, da seguinte forma:

  1. Vá à seção "Bens e Direitos";
  2. Selecione "Novo" ou clique no título salvo do ano anterior;
  3. Selecione o item "Grupo: 04 – Aplicações e Investimentos" e, então, "Código: 02 – Títulos públicos e privados sujeitos à tributação (Tesouro Direto, CDB, RDB)".

Perguntas frequentes sobre o Tesouro Direto

Posso perder dinheiro no tesouro direto?

Sim. Como qualquer investimento, existe um risco de perda de dinheiro, especialmente se você faz resgate antecipado.

Confira os detalhes de cada modalidade do Tesouro Direto!

Quanto rende 1 milhão no tesouro direto?

Depende do título que você escolher. Se você optar pelo Tesouro Direto Selic 2025, você pode ter até R$1.280.945,64 na data de vencimento do título. Lembrando que esse valor pode variar de acordo com a data investida.

Saiba mais sobre os rendimentos do Tesouro Direto!

O que acontece se resgatar Tesouro Direto antes do vencimento?

A depender da modalidade, é possível que haja perdas ou ganhos, por causa da marcação a mercado sofrida ao longo do tempo.

Conheça melhor as modalidades do Tesouro Direto!

Qual Tesouro Direto rende mais?

A rentabilidade depende do título escolhido, do tempo de investimento e, claro, da situação da economia brasileira. Por isso, o ideal é que você estude os títulos oferecidos e saiba como aproveitar boas oportunidades em cada um.

Leia mais sobre cada um dos títulos oferecidos e como eles funcionam!

Conteúdo atualizado em

Melhor Plano

Por Melhor Plano

A missão do Melhor Plano é ajudar milhões a economizar bilhões! O texto foi revisado por João Cléber, produtor de conteúdo especialista em finanças da Melhor Plano.

Melhor Plano

© Melhor Plano 2022
Todos os direitos reservados.

Endereço: R Sergipe, nº 625, Sala 503 Savassi | Belo Horizonte - MG
CEP: 30130-171

Telefone: +55 (31) 97575-9932

MelhorPlano no FacebookMelhorPlano no InstagramMelhorPlano no TwitterMelhorPlano no YoutubeEmail de Contato
Ícone Site Seguro Google

O time do Melhor Plano faz o máximo de esforço para manter toda a informação precisa e atualizada. Porém, é possível que você veja um preço diferente ao visitar especificamente o site do provedor do serviço. Ao existir uma diferença, é possível que nosso time já esteja trabalhando para atualizá-lo, ou que nosso parceiro de venda tenha oferta diferente (tentamos manter no site as melhores ofertas para você). Ao solicitar a contração de um serviço, verifique os termos da contratação com o provedor do serviço.