Carregando...

Melhor PlanoOi

VENDA DA OI

Saiba como o acordo impacta a vida do cliente

A venda da Oi é um dos assuntos que têm movimentado o setor de telefonia nos últimos tempos. Desde 2016, a operadora está em processo de recuperação judicial, com uma dívida bilionária.

Para se recuperar, a empresa negociou a infraestrutura de antenas de celulares, além da divisão de telefonia móvel.

Mas como a venda da Oi impacta o dia a dia do consumidor? O que isso representa para o mercado? Qual empresa vai utilizar a estrutura de telefonia celular da operadora? Como ficam os planos móveis da Oi? Saiba mais a seguir.

Venda Oi para TIM, Vivo, Claro

Em agosto de 2020, a Oi fechou um acordo de exclusividade com a TIM, a Claro e a Vivo. Atualmente a operadora tem 42 milhões de clientes na totalidade. Os contratos com pessoas jurídicas são em média 3,2 milhões e 38,8 milhões são pessoas físicas.

Qual será minha operadora agora?

No dia 11 de fevereiro de 2022 foi divulgado a divisão dos clientes Oi empresa entre as três operadoras (Claro, TIM e Vivo).

Segundo a nota oficial do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), a Claro ficou responsável pelos contratos de 27 DDDs, a Vivo ficou com 11 e a TIM com 29 DDDs da Oi.

Cliente Oi, veja abaixo sua futura operadora:

Operadora

DDD

Claro

13, 14, 15, 17, 18, 27, 28, 31, 33, 34, 35, 37, 38, 43, 44, 45, 46, 47, 48, 49, 71, 74, 77, 79, 87, 91 e 92.

Vivo 12, 41, 42, 81, 82, 83, 84, 85, 86, 88 e 98.
TIM 11, 16, 19, 21, 22, 24, 32, 51, 53, 54, 55, 61, 62, 63, 64, 65, 66, 67, 68, 69, 73, 75, 89, 93, 94, 95, 96, 97 e 99.

Em São Paulo e Rio de Janeiro, os clientes da Oi serão atendidos pela TIM. A Vivo ficou com os números Oi de Recife e a Claro ficou com clientes Oi de Belo Horizonte.

Mas não se preocupe a princípio: o plano de ação de transferência dos números para as novas operadoras ainda será definido.

ATENÇÃO! Caso você não queira permanecer na operadora remanejada, poderá fazer a migração para a operadora que desejar sem custos adicionais, conforme determinação da Anatel.

Antes de migrar para a operadora de sua preferência, conheça os planos de celular TIM, Claro e Vivo disponíveis na sua região e faça a contratação sem sair de casa!

Planos de Celular

Planos disponíveis em RIO DE JANEIRO/RJ
VER PLANOS EM

Pós-Pago

Controle

tim
Tim Black 45GB45GB(15GB + 30GB BÔNUS)*
Com portabilidade
  • Ligações Ilimitadas
  • Para todo o Brasil
R$
109,99
/mês
claro
Claro Pós 50GB Fidelizado50GB(15GB + 35GB BÔNUS)*
  • Ligações Ilimitadas
  • Para todo o Brasil
R$
109,99
/mês
vivo
Vivo Pós Selfie Amazon Prime 43GB43GB+ 10GB BÔNUS*
Com portabilidade
  • Ligações Ilimitadas
  • Para todo o Brasil
R$
119,99
/mês
loja oi online
VOCÊ É CLIENTE OI E QUER MUDAR DE OPERADORA?

Clique no botão e compare os planos de telefonia móvel disponíveis na sua região.

COMPARAR PLANOS

Direitos do Consumidor com a venda da Oi móvel

A venda da Oi foi feita para suas concorrentes por R$ 16,5 bilhões e ainda conta com um "Acordo em Controle de Concentrações" (ACC) que estabelece a obrigatoriedade do aluguel de parte do espectro da Oi para atender as novas linhas, entre outras exigências.

Além do cliente Oi não ser obrigado a ficar na operadora remanejada pela divisão, existem alguns outros pontos que garantem o direito do consumidor na venda da Oi:

  • As operadoras precisam disponibilizar um canal de comunicação para tirar dúvidas do consumidor;
  • As operadoras precisam dar o poder de escolha de planos iguais ou semelhantes aos contratados como cliente Oi;
  • É imprescindível que todas as operadoras envolvidas respeitem o direito à privacidade dos dados;
  • Os novos clientes podem solicitar portabilidade sem custo a qualquer momento.

Veja também no nosso vídeo mais informações sobre seus direitos, porque a Oi foi vendida e como fica seu número da operadora!

Por que a Oi está sendo vendida?

A venda da Oi é uma estratégia de recuperação do negócio. Ao longo dos anos, a empresa acumulou dívidas que chegaram  a mais de R$ 65 bilhões em 2016. Embora esse valor tenha diminuído bastante, a conta ainda é alta.

As medidas que estão sendo tomadas atualmente fazem parte de um plano de recuperação judicial da Oi, um direito legal para a empresa evitar chegar a falência e que teve início em 2019. 

Mas como uma das maiores empresas de telefonia do país chegou a essa situação?

Compra de empresas endividadas

A Oi é resultado da privatização da Telemar, em 1998. Nos anos 2000, o consórcio buscou ampliar sua atuação e, para isso, adquiriu outras empresas — muitas delas, altamente endividadas.

Somente em 2003, após aquisição da NTL, a marca se tornou a Oi. E, ao longo desse tempo, a dívida continuou crescendo.

Internacionalização

Entre 2009 e 2010, a compra da Brasil Telecom — que, à época, precisou de aval especial do governo — fez surgir um grande conglomerado, de atuação nacional.

O próximo passo seria a internacionalização do grupo, que adquiriu a Portugal Telecom. Apesar das promessas de injeção de dinheiro, os caixas permaneceram vazios.

Descumprimento de obrigações

Ao longo dos anos, o consórcio acumulou uma série de dívidas com o Estado, incluindo uma série de multas da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), por descumprir algumas regras de prestação de serviços.

Clientes Oi Fibra

Quem é assinante Oi Fibra pode ficar mais tranquilo. A operadora está investindo mais nesse tipo de rede, que é mais lucrativa, e deve concentrar seus esforços de vendas nesse ramo.

Portanto, continuará oferecendo normalmente a banda larga fibra ótica Oi e a TV paga via IPTV, além de expandir a cobertura desses serviços.

Você ainda não é cliente Oi Fibra e adquirir um plano? Conheça e compare os pacotes Oi Fibra a seguir!

Oi Fibra Planos

 

Planos disponíveis em RIO DE JANEIRO/RJ
VER PLANOS EM
oi
400MB
191 Canais + Fixo Local
  • TV por Assinatura
  • 191 Canais
  • Ligações ilimitadas
  • Fixo Local
R$
259,90
/mês

Venda da Oi TV

Em agosto de 2020, a Oi anunciou também o processo de venda das operações da TV por assinatura, que hoje é feita via satélite. Quem conduz a transação é o banco BTG Pactual.

Atualmente, a Oi tem 1,48 milhão de clientes que fazem assinatura dos planos de TV da marca.

Vale ressaltar que a Oi continuará atuando no mercado de TV por assinatura. Porém, com foco apenas do IPTV, modelo de transmissão via internet.